«Escrever não é agradável. É um trabalho duro e sofre-se muito. Por momentos, sentimo-nos incapazes: a sensação de fracasso é enorme e isso significa que não há sentimento de satisfação ou de triunfo. Porém, o problema é pior se não escrever: sinto-me perdido. Se não escrever, sinto que a minha vida carece de sentido.»
de Paul Auster
"Saber que será má uma obra que se não fará nunca. Pior, porém, será a que nunca se fizer. Aquela que se faz, ao menos, fica feita. Será pobre mas existe, como a planta mesquinha no vaso único da minha vizinha aleijada. […] O que escrevo, e que reconheço mau, pode também dar uns momentos de distracção de pior a um ou outro espírito magoado ou triste. Tanto me basta, ou não me basta, mas serve de alguma maneira, e assim é toda a vida."
de Bernardo Soares

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

"O coração é um vasto cemitério"-Heiner Muller

XXVII
fazer das tripas coração: esperar que ele bata, que circule o sangue, que se respire o ar, que se beba a água.
fazer das tripas coração: sair, ir e chegar para voltar a sair, ir e chegar, até um dia.
fazer das tripas coração: rasgar a face, esticar os lábios, sorrir, ouvir o riso que sai de dentro e continuar a sorrir.
fazer das tripas coração: beber as lágrimas, trincar o sal, morder o medo, esconder a faca.
fazer das tripas coração: partir os ossos, queimar a pele, cortar o musculo, deixar o sangue correr, pelas pernas, pela lápide.
fazer das tripas coração: coragem e fazer das tripas coração.

1 comentário:

  1. devolver as tripas ao intestino e afagar o coração.
    beijos, amiga!

    ResponderEliminar